Categoria: Pagamentos

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

INSS Dataprev – Consultar Extratos e Pagamentos

Consulta de Extratos e Pagamento – Dataprev INSS

dataprev-300x241

A Dataprev é uma grande companhia de tecnologia com informações sobre a previdência social, trata-se de uma empresa pública constituída pela Lei nº 6.125 de 04/11/1974.

No site da Dataprev você vai encontrar uma quantidade enorme de serviços disponíveis que auxilia a encontrar respostas para muitas dúvidas referentes aos benefícios do INSS.

A internet facilita a nossa vida em todos os sentidos, até mesmo para os aposentados fica fácil realizar uma pesquisa a fim de saber sobre o seu extrato do INSS, tudo online, sem precisar sair de casa, alguns beneficiários ainda precisam de ajuda dos mais novos para isso, mas não é nenhum “bicho de sete cabeças”, é só entrar no site através do seguinte link http://www.dataprev.gov.br/.

Entrando no site do Dataprev você poderá consultar o seu extrato do INSS, para saber a data do recebimento do benefício do INSS, e por questões de segurança o site pede alguns dados para ter certeza de que é o próprio beneficiado que está tentando fazer a consulta dos extratos no Dataprev. Para dar continuidade basta você informar a data de aniversário, o número do CPF, o número do benefício e seu nome completo.

Os beneficiários também podem consultar seu extrato do INSS através de uma ligação telefônica, sem custos por telefones fixos, porém a ligação por celular é cobrada, para fazer a sua consulta Dataprev pelo telefone é só discar o número 135.

O agendamento para o pagamento aos beneficiários do INSS para o próximo ano estará no portal da Previdência Social e a partir de janeiro as agências bancárias e os postos do INSS já terão o calendário disponível em suas dependências para melhor visualização dos que recebem pensão, dos segurados e aposentados. Basta sempre você consultar o calendário de pagamento do INSS que você também encontra aqui no site.

Consulta INSS Dataprev

No site do Dataprev é possível encontrar o extrato de pagamentos, inclusive, saber quando será recebido seu benefício.E é muito fácil, se você não tem convivência com o computador, ficará impressionado com a facilidade de fazer isso.No final deste artigo, haverá também informações de outros modos para consultar o extrato do INSS.  Por tanto, te ajudarei á saber quando irá vir o seu benefício do INSS! Está Pronto? Vamos lá!

  • Primeiro, acesse o link abaixo (para você ter certeza que é confiável, perceba no começo do endereço do site o cadeado sinalizando que é uma página segura da Internet):

Link: previdencia.gov.br

dataprev-consulta

Observe, clicando no ícone do cadeado, é possível verificartodas as permissões possíveis do site, mostrando que é totalmente seguro!

  • Após entrar no site, digite o número do benefício na primeira caixa de texto.

Caso você não saiba qual o número do seu benefício do INSS/PIS é bem fácil achar, ele se encontra em sua carteira de trabalho. Na primeira página você irá encontrar o campo: PIS/PAESP.

Caso você não tenha sua carteira de trabalho em mãos, você poderá ir até a Caixa ou então, ligar para o telefone 0800 726 0101, lá você será atendido por um dos servidores que irá te ajudar da melhor forma possível.

Mas atenção! Lembre-se sempre, tenha muito cuidado com quem você compartilhará seus dados pessoais.

inss-dataprev-consulta

Após digitar o número do seu benefício no primeiro campo, preencha com sua data de nascimento, com o seu nome e o seu CPF, este último, sem utilizar de pontos ou barra.

Feito isso, preencha o campo de texto amarelo com as letras que aparecem na imagem, isto é utilizado para sua própria segurança. Após isso, clique em Visualizar.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Pagar INSS pela Internet

Como pagar INSS online pela internet

Está precisando fazer o pagamento do INSS junto a Previdência Social mas não sabe como pode realizar esse pagamento de forma rápida? Saiba que é possível realizar o pagamento do INSS pela internet, confira abaixo o procedimento para você realizar esse pagamento que facilita muito a sua vida.

pagar-inss-online

O pagamento do INSS é bastante importante, pois é através dele que poderemos ter acesso a alguns benefícios quando precisarmos. Alguns desses benefícios são: auxílio doença, aposentadoria por tempo de trabalho ou por idade, esses são os serviços mais procurados mais podemos encontrar outros e para que você tenha acesso aos mesmos é necessário está em dias com o INSS.

Saiba que o pagamento é bastante simples e é descontado diretamente de sua renda. Pensando na melhor facilidade para os contribuintes o INSS juntamente com a Previdência Social criam diversos projetos para melhorar o sistema. Um dos projetos é o pagamento do INSS de forma online, isso mesmo, é possível pagar o INSS através da internet.

A forma de pagamento do INSS pela internet é através do site oficial da Caixa Econômica Federal. O pagamento é bem simples e fácil você precisa apenas possuir uma assinatura eletrônica de acesso ao serviço do Internet Banking Caixa, ou seja, é por via do mesmo que será efetuado o pagamento, ou seja, a sua contribuição ao INSS.

Para que você possa saber mais detalhes referentes ao pagamento deste serviço é muito simples. Você pode acessar o seguinte link: Pagamento online do INSS. O serviço é bastante fácil de ser usado e sem maiores complicações, basta você possuir a sua assinatura eletrônica que pode ser adquirida na própria Caixa Econômica Federal.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Como pagar INSS como autônomo

Pagamento de INSS como Autônomo

Você é trabalhador autônomo e quer ficar em dia com suas contribuições junto a Previdência Social para no futuro ter garantido uma boa aposentadoria? Confira como é calculado e feito o pagamento de INSS como autônomo.

inss-autonomo

Quando chegamos em uma certa idade, temos o direito de receber alguns benefícios, dentre esses benefícios o mais famoso é a aposentadoria, mas para termos esse benefício futuramente é preciso estar em dia com o INSS, ou seja, o contribuinte deve sempre estar atento a este quesito. Algumas pessoas podem ter problemas para se aposentar, muitas vezes é por falta de informações e o desconhecimento de seus próprios direitos. Saiba que você autônomo pode sim estar em dia com o INSS.

Você que trabalha como autônomo pode muito bem ficar em dia com o INSS, para em um futuro bem próximo não ter nenhum problema quanto à solicitação de sua aposentadoria. Para começar a ser um contribuinte você deve se filiar a RPGS, Regime Geral de Previdência Social, dessa forma você deverá pagar a cada mês uma quantia mínima de 20% do salário de contribuição. O salário de contribuição é o valor que determinará a quantia que será recolhida pela Previdência Social, para os casos de receber um benefício futuramente. O salário de contribuição é recolhido de acordo com a sua renda fixa mensal, ou seja, esse valor irá ser alterado de acordo com o que você ganha e também de acordo com a tabela emitida pela Previdência Social.

Outro detalhe importante que deve ser lembrando é que independentemente de sua categoria de contribuinte, o valor mínimo e máximo do salário de contribuição deverá ser respeitado. Esse valor é atualizado anualmente. Muitas pessoas não têm ideia do quanto é importante ficar em dia com o INSS, ou seja, pagar o salário contribuição todo o mês sendo você um comerciante, feirante ou tem qualquer outro tipo de profissão, você deve pagar o salário de contribuinte da Previdência Social, do contrário poderá ficar sem benefícios importantes quando a idade chegar.

Mantenha-se informado sobre o assunto na RPGS de sua cidade e comece a pagar o quando antes. Lembrando que você também poderá obter informações diretamente no site oficial da Previdência Social.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

INSS 2021 Tabela de Pagamento – Calendário

Tabela de Pagamento INSS 2021

Para quem recebe benefícios do INSS deve estar de olho no calendário de pagamento do INSS 2021, não é mesmo? A previdência social divulga os calendários anualmente para o ano corrente ou próximo ano dos pagamentos e demais atividades do INSS. Confira aqui a tabela do INSS 2021 e veja as datas que você irá receber seu benefício.

inss-tabela-de-pagamento

Ainda não foi divulgada oficialmente a tabela de pagamento do INSS 2021, mas quem recebe benefícios já pode supor como serão os pagamentos dos benefícios em 2021 de acordo com o calendário 2021. Aqueles beneficiários que recebe em menos de um salário mínimo começam a receber seus benefícios a partir de 21 de dezembro próximo, mas, aqueles que recebem um pouco mais receberão seus benefícios somente em início de 2021. Para receber o benefício, os beneficiários precisam ir a alguma agência do INSS que em todo o Brasil tem aproximadamente 1400 agências.

Os benefícios são prestações pecuniárias que são pagas pela Previdência Social aos segurados da Previdência e seus dependentes. Cada benefício tem uma espécie, que foi criada pelo INSS para explicar as peculiaridades de cada benefício. Cada benefício possui um código numérico, por exemplo, o código 42, referente à Aposentadoria por Tempo de contribuição.

Os benefícios de prestação continuada são caracterizados por pagamentos contínuos até que por alguma razão é cessado. Totalizam cerca de 70 espécies de benefícios. Além do benefício de prestação continuada, tem benefício de prestação única cujo pagamento é feito somente uma vez e somente o pecúlio especial de aposentados é o benefício deste tipo. O pecúnio é pago quando é necessário reembolsar o segurado do valor corrigido de contribuições pagas após a aposentadoria. Este pecúnio foi extinto pela Lei 8.870/94, mas ainda é pago. Os benefícios eram corrigidos pelo índice estipulado por atos legais, mas, desde 2006, passaram os valores dos benefícios serem corrigidos pelo índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPS) que é calculado sempre no mês de abril.

Mas, se você já quer se antecipar e já se agendar para o pagamento dos benefícios saiba que este pagamento do INSS 2021 é determinado pelo número final do benefício. No caso da tabela de pagamento do ano anterior, os benefícios com final 1 para os pagamentos de até um salário mínimo, os pagamentos de dezembro serão feitos dia 21; janeiro, pagamento dia 25 de janeiro; fevereiro, pagamento dia 22; março, pagamento dia 22; abril, pagamento dia 24 de abril; maio, pagamento dia 24; junho o pagamento de benefício final 1 é dia 24; e assim por diante que pode ser conferido no site do INSS.

Mas, oficialmente o calendário pagamento INSS 2021 sairá somente no início do ano como acontece anualmente, inclusive também são divulgados as atualizações das alíquotas, mas enquanto não temos a alíquota de 2021 vamos dar um exemplo de como é o cálculo e seus valores.

No caso de segurados empregados, inclusive domésticos e trabalhadores avulsos a alíquota de 2021 varia de acordo com o valor do salário-contribuição: de até R$ 1247,70, o valor da alíquota é de 8%; de 1247,71 até 2.079, 50, a alíquota é de 9%; e de R$ 2.079,51 até R$ 4.159, a alíquota  para recolhimento é de 11%.  Estes valores acima estão vigentes desde 1° de janeiro de 2021 e sempre são atualizados anos após ano, usamos apenas como exemplo.

Você não entende o que é esta alíquota, recordemos que quem é trabalhador comum possui uma contribuição ao INSS descontado diretamente na folha de pagamento, enquanto que os autônomos precisam fazer a contribuição mensal, pagando um carnê específico que vai ter alíquotas de acordo com o valor declarado no INSS de quanto recebe por mês.

Veja o calendário de Pagamento do INSS do ano anterior, em breve a tabela de 2021

tabela-inss-2021

A tabela de 2021 você encontra acessando o seguinte endereço: Tabela INSS 2021

Calendário Pagamento INSS 2021 em Breve a de 2021

tabela-pagamento-inss

Assim que disponibilizada a nova tabela de 2021, vamos atualizar e adicionar ela aqui.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Posso pagar INSS de anos anteriores?

Pagamento de INSS de anos anteriores

Ficaram alguns anos sem pagar o INSS? Está preocupado quanto à sua aposentadoria? Saiba se é possível recuperar estes anos perdidos sem contribuição e fizer as contribuições previdenciárias com atraso.

posso-pagar-inss-de-anos-anteriores

Quem deve pagar o INSS em atraso?

Autônomos e os trabalhadores que prestam serviços sem carteira assinada tem como recuperar o tempo de cálculo de aposentadoria, neste caso fazendo contribuições com atraso. Já os contribuintes facultativos, estudantes, donas-de-casa e desempregados pagam somente as contribuições dos últimos seis meses de forma retroativa.

Mas, nem todos precisam pagar as contribuições em atraso. Como assim? Não é obrigado fazer a contribuição previdenciária para ter acesso à aposentadoria? Isso ocorre quando a responsabilidade de pagar o INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social) não é sua.

Em alguns casos basta informar e comprovar que estava trabalhando durante o período do atraso e o INSS vai considerar o tempo para sua aposentadoria. Lembrando que isso é somente em alguns casos.

Os casos mais comuns onde não é necessário fazer o recolhimento do INSS com atraso: trabalho rural antes de 1991; emprego informal, sem registro em carteira; trabalho realizado como contribuinte individual (autônomo) para pessoa jurídica. Nestes casos, você que esteve nesta situação não precisa perder tempo fazendo cálculos do valor a recolher para o INSS em atraso. Em vez disso, procure todos os documentos que possua que possa comprovar que esteve nestas situações acima informadas.

pagar-inss-em-atraso

Lembrando alguns detalhes que muita gente não sabe quanto ao tempo de se aposentar. Por exemplo, quem trabalhou ou trabalha com atividades perigosas ou que tem contato com elementos que fazem mal a saúde tem direito há um tempo adicional na aposentadoria ou pode se aposentar sem o fator previdenciário (este fator previdenciário permite que as pessoas possam se aposentar mais cedo, mas, ganhando menos).

No caso de atividades insalubres (com contato substâncias que fazem Mac a saúde) ou com periculosidade dão um acréscimo de no mínimo 40% para os homens e 20% para mulheres no tempo de contribuição. Exemplo destas atividades são os operadores de máquinas de raios-X, metalúrgicos, etc. Outra situação é se você trabalhou sem registro, pode contar como tempo para se aposentar, isso porque a responsabilidade de pagar o INSS era da empresa que Malandramente não registrou o trabalhador para pagar menos impostos.

Para comprovar que realmente teve tempo de serviço em determinada empresa, o trabalhador vai precisar de alguns documentos para comprovar isso: anotações em sua carteira de trabalho, registro de empregados da empresa, ficha ponto, holerites, entre outros.

Como recolher o INSS em atraso?

Se você não está nestas situações e precisa pagar as contribuições do INSS em atraso, no caso do contribuinte facultativo pode pagar as guias em atraso se estas não tiverem com atraso superior a seis meses. O cálculo para estes pagamentos é feito pela internet no site da Receita Federal pelo link www2.dataprev.gov.br.

Lembrando que quem tem um atraso superior a 5 anos não adianta somente realizar o recolhimento em atraso é preciso regularizar sua situação perante o INSS, isso ocorre comprovando a atividade exercida no período que pretende fazer o pagamento em atraso. Esta regularização pode ser feita em uma agência do INSS e que te exigirão alguns documentos que comprovem o exercício da atividade profissional na época do período do atraso.

Antes de sair correndo querendo pagar suas contribuições do INSS em atraso deve primeiro: verificar se precisa realmente pagar o INSS para ter o tempo recolhido. Depois, se tiver que pagar e para isso precisa comprovar a atividade profissional, faça isso primeiro e depois, pagar; e por último, faça o recolhimento em atraso. Se este período for inferior a cinco anos, você pode fazer o cálculo direto na internet, períodos maiores, precisa ir a uma agência do INSS.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Cálculo de Contribuições do INSS

Contribuições do INSS – Cálculos

Leia o artigo abaixo você que é contribuinte da Previdência Social e aprenda a fazer o seu Cálculo de Contribuições do INSS.  Sem complicações mostramos pra você como funciona o INSS e explicamos como pode gerenciar melhor as suas contribuições.

Contribuicoes-do-INSS-300x192

O INSS existe para garantir que o trabalhador, quando chegar à terceira idade, possa desfrutar de benefícios sem ter que trabalhar para isso, já que sua idade não permitirá que execute trabalhos que poderia executar antes. Esse benefício não vem de graça, infelizmente, para ter direito a ele o trabalhador precisa contribuir mensalmente com o INSS, transferindo automaticamente ou não, uma determinada quantia de seu salário, que é estabelecida de acordo com fatores de seu trabalho entre outras regras.

A Previdência Social, na verdade, serve como uma espécie de seguro para toda a população. E vale lembrar que todo tipo de trabalhador pode contribuir para garantir sua aposentadoria através do INSS, desde o autônomo, o trabalhador de carteira assinada (estes que são filiados automaticamente a Previdência Social) e até mesmo aquele trabalhador que presta serviços temporários que vai realizar sua contribuição pagando como o tipo de contribuinte individual. E ainda existe uma categoria que é destinada àqueles que não possuem emprego reconhecido e nem uma renda própria, que é o caso de estudantes, donas de casa e pessoas que se encontram desempregadas. Nesse caso, essas pessoas contribuem como contribuinte facultativo.

Mas muito se pergunta como calcular as contribuições que você faz a Previdência Social. É bom saber antes que para ter direito a qualquer beneficio oferecido pela Previdência é fundamental que você esteja inscrito como segurado e que não falte com suas contribuições, não atrasando.

Primeiramente, para calcular suas contribuições do INSS você precisa verificar em que modalidade de você está encaixada, pois cada contribuição possui alíquotas que se diferem de categoria para categoria. Para começar o cálculo, que hoje já pode ser feito online através do site da Previdência Social, cuja página é: www.previdencia.gov.br, conte o tempo de contribuição que você tem como segurado da Previdência Social. Isso pode ser feito também dentro do site da Previdência ou através desse link direto acessando aqui: www5.dataprev.gov.br – Contagem de tempo de Contribuição. Para realizar seu cálculo de contribuições do INSS esteja com seus documentos  profissionais em mãos como o número do Pasep, PIS ou do Cici, que é o Cartão de Inscrição de Contribuinte Individual. Se no seu caso você não tiver acesso a internet, você vai poder agendar uma visita a Central 135, onde com seus documentos necessários calcularão para você.