Categoria: Últimas Notícias INSS

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

INSS Pente Fino – Cortes, Auxílio

Pente fino INSS aposentados por invalidez

Segundo o Ministério de Desenvolvimento Social, em agosto de 2021 começaram a ser enviadas as cartas do pente fino do INSS. Elas convocaram os aposentados por invalidez que recebem auxilio para passar pelo sistema novamente. Serão convocados mais de um milhão de aposentados por invalidez em todo o país. Veja abaixo últimas notícias sobre o pente fino INSS.

pente-fino-inss

O que é o pente fino INSS?

O pente fino INSS é um processo que será realizado em benefícios que foram concedidos por invalidez a indivíduos com menos de 60 anos de idade, há mais de dois anos. Pessoas com mais de 55 anos de idade e, pelo menos, 15 anos de recebimento do auxílio, estarão isentas do processo de revisão. E quem está isento do pente fino INSS? Quem já tem mais de 60 anos está isento do pente fino INSS.

Quem Está Isento do Pente Fino do INSS?

  • Pessoas Aposentadas por Invalidez com AIDS
  • Após mais de 55 anos de idade e depois de 15 anos da concessão do auxílio doença ou aposentadoria por invalidez
  • Após mais de 60 anos de idade

Pente fino do INSS – Como funciona?

Após receberem as cartas do INSS para aposentados por invalidez, que emitirá um aviso de recebimento para o Ministério, os segurados terão 5 (cinco) dias úteis para agendar, pela Central de atendimento no número 135, a perícia para seu caso.  Caso a carta chegue a um endereço não atualizado, o segurado será convocado por meio de edital no Diário Oficial.

Quem será convocado?

Beneficiários que estão sem realizar perícia a mais de dois anos, são mais de 500.000 (quinhentas mil) pessoas que recebem auxílio-doença e, ainda, 1 milhão delas que são aposentados por invalidez serão convocados.

O que acontece quando se passa pela perícia INSS?

Em pouco tempo de ação, a operação já tinha cancelado mais 160 mil aposentadorias e benefícios e modificado 40 mil deles.

Quais documentos levar para a perícia INSS?

Leve para a perícia INSS documentos pessoais como: seu RG e CPF, além de toda a documentação que atesta a incapacidade, sejam eles laudos, atestados, receitas ou exames.

inss-pente-fino

E se eu faltar perícia INSS?

Nesse caso, você deve enviar uma pessoa para lhe representar, essa pessoa deve estar com uma procuração dando direito de falar por você. Essa procuração é um documento e precisa estar reconhecida em cartório. O dever desta pessoa será o de justificar a sua ausência e reagendar outra data, na qual você possa comparecer. Se não houver essa justificativa, o benefício será suspenso até que seja convocada nova data de perícia INSS para que se informe e seja comprovada a falta de capacidade para o trabalho.

Tire cópia de todos os documentos que você pretende levar

Na perícia do INSS, o especialista ficará com toda a sua documentação original, sendo assim, tire cópia de todas elas para ter guardadas com você. Caso ocorra um cancelamento arbitrário do benefício, você precisa estar munido deles.

Qual a finalidade desta operação pente-fino INSS?

O pente fino INSS de outubro serve para que o INSS possa eliminar os pagamentos indevidos. Existem pessoas que, na verdade, podem sim trabalhar, e como fraudes, passam a receber o auxílio do órgão. Entretanto, muitos segurados que realmente são incapazes de exercer profissões, reclamaram que a perícia foi falha, e assim, até algumas pessoas que tinha direito, perderam o auxílio.

Perdi meu auxílio, e agora?

Se você perdeu o auxílio injustamente durante o pente fino INSS, a justiça está de portas abertas esperando que você a acione. Qualquer pessoa que se sentir lesada, pode abrir questionamento judicial.

Se você não entrar em contato pelo número 135 para agendar a perícia, o benefício será suspenso. Aós a suspensão, você tem 60 dias para entrar em contato, a partir do agendamento, o benefício volta a ser concedido até a data da perícia.

Auxílio-doença

Este é um benefício do INSS recebido por incapacidade do assegurado do INSS, acometido por um acidente ou mesmo doença que o torne temporariamente inválido para o trabalho.

Aposentadoria por invalidez

É o benefício do INSS pago àquele trabalhador que se tornou incapaz de exercer qualquer trabalho ou atividade laboral. Ele é avaliado pela perícia do INSS e passa a receber o auxílio. Como mostra a operação, ele pode ser chamado para ser reavaliado pelos Médicos do INSS a cada dois anos.

A aposentadoria por invalidez dá-se por indicação da própria perícia. O cidadão entra com pedido de auxílio doença, mas se verificado que ele não terá mais condições de voltar ao trabalho, já é indicado pelos médicos para a aposentadoria por invalidez.

ultimas-noticias-pente-fino-inss

Como vejo o resultado da perícia

O resultado da perícia do pente fino INSS estará disponível no site (https://www2.dataprev.gov.br/sabiweb/relatorio/imprimirCRER.view?acao=imprimir_CRER) e também pelo telefone 135. Quando ligar, tenha em mãos os seus documentos pessoais.

Bônus concedido a quem cair no pente fino

Os aposentados por invalidez que não passarem no pente fino do INSS, poderão receber um bônus do órgão por até 18 meses. No caso de quem recebeu auxílio por mais de 5 (cinco) anos, o bônus é pago por mais 18 meses. O tempo de contagem para validar ou não o bônus, é desde que começou a receber o auxílio doença até o final da aposentadoria.

O valor do benefício é calculado obtendo a média das 80% maiores contribuições realizadas pelo segurado ao INSS desde de julho do ano de 1994, sendo essa média multiplicada pelo fator de 100% do valor do salário do benefício.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Regras de Transição Aposentadoria

Aposentadoria Regras de Transição

Veja quais são os procedimentos para entrar na Aposentadoria pelo INSS e quais são as novas regras para transição de aposentadoria, seja ela proporcional, por tempo de contribuição e por idade.

A partir que se escuta falar de rombo da previdência, uma das alternativas apresentada pelo presidente é mexer na Aposentadoria onde ele apresentou sua proposta e este ainda deve ser votado tanto na Câmera e Senado, a Aposentadoria portanto é de fato um direito adquirido de muitas pessoas, o grande temor e que possa ser algo repentino e agressivo com as pessoas que faltam pouco a chegar ao tão esperado momento de aposentar-se e desfrutar do fruto do seu trabalho.

regras-de-transicao-aposentadoria

Sendo assim a proposta do presidente prevê regra de Transição para um grupo especifico de pessoas, isto por tanto tira a duvida de muitas pessoas, isso é promulgado para prevenir grandes distorções de que as pessoas que estejam a um ou 5 anos de se aposentar precisariam em torno de 10 ou 15 anos, então, o objetivo das Regras de Transição da aposentadoria do INSS é submeter a um processo gradual da antiga previdência para a nova de maneira gradual, sem grandes impactos para a sociedade.

A quem se aplica as novas regras de transição de aposentadoria?

A regra de Transição presentada será aplicada a mulheres de 45 anos e os homens a partir de 55 anos, sendo assim os contribuintes nessa faixa etária para adquirir a Aposentadoria por tempo de contribuição assim que tenham completado o requisito da previdência antiga, deveram pagar com 50% proporcional ao tempo que faltara com a nova promulgação da reforma.

Por exemplo, se um homem de 54 anos que haja começado desde os 18 anos a trabalharem, mas teve uns anos que não teve registro somando ele atingiu 27 anos de contribuição, por tanto na antiga previdência faltariam 8 anos para atingir os 35 anos de contribuição, mas nesse caso quando for aprovada a reforma, segundo a regra de Transição devera pagar um pedágio de 50% do tempo faltante, sendo assim a metade de 8 e 4, por tanto para esse homem faltaram 12 anos de contribuição. Se faltava 8 anos na antiga previdência ele se aposentaria com 62 anos, mas com a nova ele se aposentara aos 66 anos, isso sendo a Aposentadoria por tempo de contribuição.

As Regras de Transição por idade segue da seguinte maneira, lembrando que na antiga previdência as mulheres se aposentam as 60 anos e homens a partir dos 65 anos, tendo pelo menos 15 anos de contribuição, sendo assim a regra e a mesma tendo em conta o pedágio de 50 % do tempo de contribuição que falta, sendo assim um homem que tem 62 anos e contribuiu por 12 anos sendo assim faltam 3 anos para poder se aposentar, a metade de 3 e 1,5 somando temos 4,5 anos, neste caso o homem que se aposentaria aos 65 anos na antiga previdência tendo os 15 anos de contribuição mínima, na nova previdência poderá se aposentar aos 66,5 anos, tendo que trabalhar mais 1,5 anos.

Tabela Regras de Transição Aposentadoria

tabela-transicao-aposentadoria

Todos os cálculos são proporcionais ao tempo de contribuição referenciando a idade dos contribuintes, mas ainda não estipularam o nível máximo ate quantos anos faltantes será vigorada a regra da Transição, porque proporcionalmente quando mais anos falta maior será a diferença. Para saber maiores informações, você deve acompanhar as novas regras da Reforma da Previdência Social.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Aposentados do INSS

INSS Aposentados

Se você tem direito à aposentadoria do INSS, mas está preocupado que essas mudanças possam interferir para você, saiba que tudo vai depender do que for aprovado pelo Poder Legislativo e, depois, pelo Presidente da República.

Infelizmente, o atual panorama do Brasil é o seguinte: muitos jovens, adultos e idosos e poucas crianças e adolescentes. Mas por que isso é relevante para a aposentadoria, benefícios e pensões concedidos pelo Governo?

aposentados-do-inss1-300x242

A aposentadoria no INSS é um direito conquistado pelo trabalhador devido aos seus anos de trabalho em que contribuiu com a previdência. Quando se aposenta, a pessoa tem direito a receber determinado valor por parte do governo, dependendo do motivo da aposentadoria e do tempo de carteira assinada que a pessoa tem, ou seja, quantos anos contribuiu.

Aposentadoria da Previdência Social

Já está liberada a lista da revisão de teto que irá dar reajustes de valores de até 117 mil beneficiados, então se você é pensionista ou aposentado do INSS, não deixe de conferir para saber se você é um dos contemplados.

Desde agosto está liberado o aumento de 239 reais. Mas os beneficiários devem consultar toda a documentação para ter certeza de que está tudo certo ou de que não estão sendo prejudicados.

A aposentadoria no Brasil ainda é algo precário, porém funciona e todos os inválidos, idosos ou pessoas com doenças degenerativas ou psiquiátricas tem esse direito garantido por lei. Mas ainda assim o valor de aposentadoria é baixo no Brasil a não ser que você contribuiu com parcelas extras para complementar a sua aposentaria ou ganhava um salário muito alto.

Com o tempo a aposentadoria tende a desaparecer, pois ela é sustentada pelos impostos pagos com o trabalho dos jovens. Mas os idosos estão aumentando muito, o que quebraria a economia caso fosse mantido o atual modelo de aposentadoria que está passando por reformas afim de evitar o pior. Então deve-se aumentar os impostos para suprir o desfalque de jovens que devem pagar mais e mais para se aposentar no futuro pelo INSS.

Se você deseja acompanhar as últimas noticias sobre os aposentados do INSS e ficar pode dentro das novas leis, tabelas de pagamento e muito mais é só acompanhar o site.

Reforma na Previdência

A Previdência Social funciona com base em um princípio chamado de “Princípio da Solidariedade”. O que isso quer dizer? Quer dizer que aquelas pessoas que estão trabalhando pagam, com suas contribuições mensais, a aposentadoria de quem já está aposentado.

reforma-da-previdencia-aposentados

Tecnicamente, o dinheiro entra na conta da Previdência Social e já sai, com o pagamento das aposentadorias. A ideia desde a criação da Previdência Social era de que esse dinheiro tivesse algum rendimento. Entretanto, na situação atual, nem sequer há tempo de fazer isso.

Porém, esse desequilíbrio entre o número de pessoas que trabalham com as já aposentadas está fazendo com que o Governo Federal tenha que retirar dinheiro de outros lugares para pagar as aposentadorias do INSS.

Só que são milhares de brasileiros que recebem benefícios, pensões e aposentadorias, o que equivale a milhares de reais todo o mês. Se o crescimento populacional continuar assim, vai chegar um momento em que a Previdência Social e nem sequer o Governo vai conseguir pagar as aposentadorias INSS, pois seriam muitas pessoas aposentadas para poucas pessoas contribuindo, ou seja, fazendo o dinheiro da Previdência Social “circular”.

Muitas pessoas se dividem sobre esse assunto, pois acreditam que o Governo poderia economizar em outros lugares, sem alterar as regras, que já são um pouco duras, para que uma pessoa consiga se aposentar pelo INSS.

Aliás, conseguir empregos formais, ou seja, com carteira assinada e que dão direito a todos esses benefícios do INSS não é muito fácil, especialmente diante da crise que assola o Brasil nesse momento, o que leva muitas pessoas a fazerem os chamados “bicos”, que são trabalhos informais que geralmente não trazem quase nenhum benefício trabalhista, muito menos aposentadoria integral, aposentadoria parcial, auxílio-doença, seguro desemprego e muitos outros.

Assim, muitas pessoas deixamde pagar o INSS.

Desse modo, considerando também a expectativa de vida das pessoas, que aumentou nos últimos anos, o Governo considera que as pessoas podem trabalhar mais e, por isso, uma reforma é necessária para estabilizar as contas públicas.

Agora que você já entendeu os motivos do Governo, não deixe de pedir a aposentadoria do INSS caso preencha os requisitos e queira solicitar.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Reforma da Previdência – O que muda, Regras

Reforma da Previdência Regras de Transição

Já conhece todas as reformas pelas quais a previdência está passando? Confira agora tudo sobre ela para os próximos anos e entenda as novas regras da reforma da previdência.

A previdência é o sistema pelo qual os brasileiros são assegurados ao direito da aposentadoria. Graças a ela as pessoas ao chegarem a certa idade, ou um determinado período de contribuição, poderiam aposentar-se e receber um salário pelo seu tempo de contribuição.

reforma-da-previdencia

No entanto, para receber este beneficio, era preciso cumprir uma série de regras que atualmente sofreram algumas variações. Com o novo governo em 2021, uma das primeiras ações do mesmo foi estipular a reforma da previdência.

Com as regras da nova previdência, as idades para aposentadoria mudaram, o tempo de contribuição e até a quantidade que os aposentados irão receber. Por tanto, foi uma mudança drástica, mas que ainda precisa ser aprovada pelo senado para que entre em vigor. Em este post, mostraremos o que muda na previdência realmente a partir da aprovação e para os próximos anos, pois para muitos brasileiros, esta reforma ainda possui questões duvidosas, ou que não ficaram muito claras pela mídia.

Quais foram as principais mudanças da reforma da previdência

A principal e mais conhecida mudança nas regras da nova previdência é a idade dos brasileiros. Com a nova proposta, os homens poderão estar aposentando-se com 65 anos de idade, e as mulheres com 62 anos de idade.

O que muda na previdência como mencionado também é o tempo de contribuição dos trabalhadores, colocando como 25 anos o período mínimo para aposentar-se do seu emprego, com um salário mínimo. Os trabalhadores que exercem atividade na zona rural também precisarão cumprir este período de contribuição ao INSS para aposentar-se.

Já para as pessoas que trabalham nas empresas públicas, os considerados servidores públicos, poderão aposentar-se entre 60 e 55 anos para homens e mulheres. O tempo do servidor público é inferior ao do trabalhador em empresa privada, mesmo contribuindo da mesma forma com o INSS.

reforma-da-previdencia-regras

Para muitos economistas, esta mudança considerada como reforma da previdência foi considerada como positiva, a mesma está sendo votada e a tendência é de que as novas regras da previdência sejam aprovadas. Desta forma fica mais fácil entender o que muda na previdência com esta polêmica reforma que marca presença nos jornais todos os dias.

O que é questionado é sobre o entendimento dos trabalhadores brasileiros sobre a nova previdência. Será mesmo um beneficio para todos? Muitos deles possuem o pensamento de que com a nova mudança os mesmos não poderão chegar à aposentadoria, ideia esta que para o governo não é algo que possa acontecer.

Esta regra não começa a valer para todos os brasileiros, aqueles que estão quase aposentando-se poderão ainda usufruir das regras antigas, não serão inclusos na reforma da previdência que estrará em vigor este ano. Mas para a maioria dos brasileiros, as novas regras estarão valendo para aqueles que irão aposentar-se no novo período, que teve pouca diferença em relação à previdência anterior.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Greve dos Bancos, Agências INSS

Greve Agências INSS e Bancos

Muitos aposentados e pensionistas passam dificuldades para sacar os benefícios com a greve dos bancos. Se você está nessa situação, descubra como fica o pagamento do INSS com a greve dos bancos.

greve-inss

Existem muitas alternativas para que você possa fazer os saques normalmente, sem prejuízo. Não deixe de usar o seu benefício previdenciário em razão da greve bancária.

Como faço se o INSS entrar em greve?

As agências do INSS abrem com a greve dos bancos, o que significa que você poderá resolver todas as suas demandas com a previdência normalmente.

Com relação ao saque dos valores, seja da aposentadoria, pensão ou qualquer outro benefício, poderá fazer nos caixas eletrônicos. Eles estão localizados em rodoviárias, aeroportos, shoppings e também em alguns estabelecimentos comerciais.

Além dessa possibilidade, uma das recomendações é que você vá a uma agência do INSS durante a greve dos bancos, para ter mais informações.

O saque dos valores, se você já recebe o benefício, pode ser feito através de um dos correspondentes bancários.

São estabelecimentos que oferecem o serviço de retirada de valores, como a Caixa Econômica Federal. Os correspondentes bancários não entram de greve.

A agência do INSS abre com a greve bancária?

Muitos contribuintes e beneficiários não sabem, mas as agências do INSS abrem durante a greve dos bancos. Isso porque não existe relação direta entre o Instituto Nacional da Previdência Social e os bancos.

O INSS é uma autarquia, enquanto o Banco do Brasil, por exemplo, é uma empresa pública. Os serviços prestados, apesar de estarem relacionados, são diversos.

Então você não precisa ficar preocupado. A greve dos bancos é sempre um transtorno, pois acaba mudando a rotina dos brasileiros que dependem do serviço.

Mas como as agências do INSS funcionam durante a greve dos bancos, tudo pode ser resolvido da mesma forma.

greve-dos-bancos

Claro, é possível que você encontre filas nas agências e também nos caixas eletrônicos, mas é melhor do que ficar sem resolver sua vida.

Por que o INSS faz greve?

Diante das novas intenções do governo federal em revisar milhares e milhares de aposentadorias, pensões e benefícios para aliviar os cofres públicos, os servidores do INSS têm trabalhado de forma frequente e intensa.

No entanto, mesmo fazendo concursos recorrentes, os servidores do INSS entendem que não recebem o quanto deveriam, sem falar no fato de que as agências costumam ficar cheias de pessoas e o atendimento é demorado.

Por isso, caso haja grave do INSS, certamente os servidores pleitearão condições de trabalho melhores, especialmente considerando que a demanda aumentou e muito depois dos novos planos do governo federal para a reforma da previdência.

Segundo os trabalhadores, a greve do INSS serve tanto para melhorar as condições de trabalho, salários, mas também para que o atendimento seja melhor oferecido aos aposentados, pensionistas e beneficiários do INSS.

Caso tenhamos alguma nova informação sobre greve nos bancos e no INSS, certamente atualizaremos esse artigo para você! Fique atento e não se abale com a greve do INSS.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

PREVMovel – Serviços, Endereço

PREVMovel Atendimento

Se a sua cidade não possui uma agência da Previdência Social, os serviços do PREVMovel podem ser a solução. Esse importante serviço foi criado para acabar de vez com os problemas dos moradores de cidades pequenas onde não existe atendimento fixo da Previdência Social. Conheça agora mesmo essa importante ferramenta colocada à disposição do contribuinte.

prevmovel

Segundo o próprio site da Previdência Social, o PREVMovel fornece atendimento a pessoas que residem em cidades onde não existe agência específica. Isso ocorre nos casos de cidades pequenas ou de difícil acesso. Para que você que está nessa situação não precise se deslocar até outras cidades, a Previdência fornece os todos os serviços pelo PREVMovel.

Como funciona o PREVMovel

A Previdência Social conta com centenas de veículos oficiais que percorrem o país para atender às pessoas que moram em pequenas cidades. Fique por dentro de saiba quando um veículo do PREVMovel passará pela sua localidade. Não perca a oportunidade de consultar seus direitos previdenciários.

Se você precisa requerer um benefício como aposentadoria, auxílio doença ou qualquer outra vantagem previdenciária, o PREVMovel funciona para te auxiliar. Dessa forma você não precisará gastar dinheiro com transporte e hospedagem em outras cidades. Mas é preciso ficar atento para não perder o agendamento do PREVMovel. Ou seja, os dias em que os veículos estarão atendendo na sua região.

Serviços PREVMovel

De acordo com informações do próprio Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS), os carros do PREVMovel estão habilitados para prestar todos os serviços que são oferecidos nas unidades fixas. Ou seja, você pode resolver qualquer questão através do PREVMovel. Pode ter seus direitos reconhecidos em até 30 minutos, abrir seu processo de aposentadoria e muito mais.

Além de todos os serviços convencionais, os agentes do PREVMovel fornecem aos moradores das cidades onde não existe agência da previdência informações previdenciárias. Assim todos os moradores podem conhecer direitos que talvez eles nem sabiam possuir. Se você quer receber atendimento pelo PREVMovel, saiba agora mesmo como agendar.

Agendamento PREVMovel

Assim como nas agências fixas do Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS), é possível agendar atendimento no PREVMovel. Mas na maioria das vezes ao atendimento é realizado por ordem de chegada. Isso significa que você deve consultar com antecedência os dias em que os serviços estarão sendo prestados na sua cidade.

prevmovel-servicos-endereco

Esse serviço do INSS surge como forma de ajudar pessoas que moram em cidades onde o acesso a esse órgão é deficiente. Se esse é o seu caso, garanta já o seu atendimento pelo PREVMovel. Tenha seus direitos garantidos. Receba sua aposentadoria, seu auxílio doença e muitos outros benefícios pagos por esse instituto.

Garanta a sua aposentadoria pelo PREVMovel, já que esse é um dos serviços mais procurados pelas pessoas quando encontram o carro da previdência. Também é grande o número de pessoas que querem informações sobre os seus direitos trabalhistas. Nos carros do PREVMovel existem profissionais e equipamentos preparados para te atender da melhor maneira possível.

Acompanhe agora mesmo o PREVMovel online, através da página oficial do INSS na internet. Saiba quando esse serviço será prestado na sua localidade. Garanta já os seus direitos.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Previdência Social Trabalhe Conosco – Vagas INSS

INSS Trabalhe Conosco

Veja como trabalham as pessoas da Previdência Social e conheça as vagas as quais pode se candidatar no trabalhe conosco do INSS.

Por fazer parte de um órgão do governo, a Previdência Social é um setor que oferece cargos públicos, e que para poder trabalhar nela é preciso que seja lançado um edital com todas as informações.

trabalhe-conosco-previdencia-social

Os agentes que trabalham atualmente na Previdência Social são descritos nos mais diversas áreas e setores, existem profissionais tanto do nível médio, como de nível superior. Estes profissionais são selecionados para vagas determinadas dentro da Previdência Social, e exercem suas funções em várias regiões do país.

Uma facilidade para quem deseja trabalhar na Previdência Social é que a mesma está presente no Brasil inteiro. Sempre que é preciso abrir uma agência da Previdência Social é preciso realizar a contratação de profissionais para suprirem as atividades. Em muitos casos como já pode ser visto nas notícias e editais, as vagas de emprego na Previdência Social são selecionadas por tempo determinado, dependendo da função e do local aonde está precisando a vaga.

Como funcionam as vagas de emprego na Previdência Social

Como já mencionado, para poder trabalhar na Previdência Social é preciso passar por um concurso público, que compreende a abertura de edital, classificação de pessoas através de prova específica, e aguardar ser chamado dependendo da sua posição no processo seletivo.

Os profissionais que preenchem as vagas de emprego da Previdência Social podem ser selecionado com nível médio de educação, e de nível superior que atuam nas mais diversas áreas, tanto na parte de humanas, como contabilidade e outros, tanto como nas áreas de ciências exatas, como estatística e engenharias.

INSS Vagas de Emprego

Muitas das vagas de emprego da Previdência Social também são contratadas com prazo determinado. Este prazo pode variar por um ano, como também pode ser prolongado por vários anos, até quatro anos. Para as vagas em concurso público as vagas geralmente são destinadas por tempo indeterminado. Atualmente não existem vagas de emprego abertas, mas é preciso ir acompanhando a abertura de vagas a traves de editais que são lançados na parte de “trabalhe conosco” no próprio site da Previdência Social.

inss-vagas-empregos-previdencia-social

As oportunidades para o segmento de trabalhe conosco da Previdência Social também não costumam ser muito frequentes, pois quem entra para trabalhar neste ramo geralmente costuma ficar até é a aposentadoria. Com isso, as vagas de emprego são abertas de anos em anos, e são destinadas para as mais diversas áreas do país, sendo que muitas vezes é preciso que as pessoas chamadas tenham que deslocar-se de sua cidade para poder exercer a profissão. Os salários para quem trabalhar na Previdência Social costumam ser altos, devido a serem cargos de destinação pública, igual que o INSS e outros cargos que são destinados pelo governo federal.

Não deixe de conferir os concursos abertos do INSS e também o site da Previdência Social, pois podem estar sendo disponibilizadas vagas de emprego de tempo determinado que já auxiliam aqueles que estão desempregados e procuram alguma oportunidade no mercado de trabalho. Para encontrar vagas de empregos abertas acesse: www.trabalheconosco.me

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Aposentados INSS – Isenção de IPTU

Isenção de IPTU para aposentados do INSS

Você sabia que aposentados e pensionistas do INSS tem direito a pedir isenção de IPTU nas cidades de São Paulo e do ABC? De acordo com a legislação municipal de São Paulo e das cidades do ABC, os aposentados, pensionistas e beneficiários da renda mensal vitalícia paga pelo INSS tem permitido solicitar a isenção total ou parcial do IPTU.

inss-isencao-iptu

No Estado de São Paulo, desde o ano 1994, aposentados, pensionistas e beneficiários da renda mensal vitalícia do INSS, ou beneficiários do Programa de Amparo Social do Idoso, que sejam proprietários de imóvel em São Paulo e nele residam, podem requerer isenção total ou parcial do pagamento de IPTU. Essa possibilidade foi criada e instituída por Lei Municipal do mesmo ano (1994), que concedeu isenção do Imposto Predial e Territorial Urbano, das Taxas de Conservação de Vias e Logradouros Públicos, de Limpeza Publica e de Combate a Sinistros incidentes sobre imóvel integrante do patrimônio de aposentados, pensionistas e beneficiários da renda mensal vitalícia.

Para fazer jus a isenção do IPTU, o contribuinte do INSS deve preencher os seguintes requisitos:

  • Ser aposentado, pensionista, ou beneficiário de renda mensal vitalícia
  • Não possuir outro imóvel no Município
  • Utiliza-lo como residência
  • Rendimento mensal que não ultrapasse os três salários mínimos no exercício a que se refere o pedido
  • O imóvel deve fazer parte do patrimônio do solicitante

A isenção do IPTU para aposentados do INSS tem validade anual, e para continuar com a validade do isento, o solicitante devera fazer o pedido cada ano para renova-lo e ter direito novamente a isenção.

Um dado importante e que se algum dos requisitos mencionados anteriormente deixasse de ser atendido, mesmo depois da concessão da isenção, o contribuinte perde o direito da isenção. O contribuinte e obrigado a informar a mudança da condição a Secretaria Municipal de Finanças, no prazo de 90 dias contados da mudança da condição. Algumas condições são variantes dependendo da cidade: São Caetano do Sul, Santo André, São Bernardo do Campo.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

INSS – Serviços Gratuitos

Serviços Gratuitos do INSS – Consulta

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) é o órgão do governo responsável pela análise e concessão de todos os benefícios previstos na legislação previdenciária brasileira. Em outras palavras, ele é responsável por garantir a renda do trabalhador e também de sua família nos momentos de incapacidade como nos casos de gravidez, prisão, velhice, acidente, doença ou morte.

inss-servicos

Atualmente existem mais de mil postos de atendimento do INSS espalhados pelos Brasil. Além disso, o trabalhador contribuinte pode contar também com uma central telefônica, através do número 135 e do Portal da Previdência na Internet. No caso da central telefônica, a ligação é gratuita e pode ser realizada de qualquer telefone público e nas ligações feitas pelo celular, o custo é de uma ligação local.

Todos os serviços oferecidos pelo INSS são gratuitos. Para ser atendido, basta agendar seu atendimento através da central telefônica ou através do site. Compareça ao posto do INSS no dia e local marcados com os documentos necessários e será atendido. Não pague qualquer valor para a execução desses serviços é um direito seu. Caso encontre alguma pessoa ou servidor público querendo cobrar pelos serviços denuncie imediatamente.

Para solicitar qualquer serviço gratuito junto ao INSS, basta levar cópias simples e o documento original que o próprio servidor público que irá atender o cidadão irá autenticar a cópia na hora do atendimento. Caso esqueça algum documento no primeiro atendimento, você tem o prazo de 30 dias para retornar com o devido documento e se cumprir este prazo não terá perigo de perder o benefício por isso.

É válido lembrar que através da central telefônica e do portal na internet, você pode obter informações sobre todos os serviços e também sobre os documentos necessários para a solicitação de cada um deles, evitando assim transtornos e demora para receber seu benefício.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Redução da Maioridade Penal – Contra ou A Favor?

Redução da Maioridade Penal no Brasil

Muito se debate sobre a redução da maioridade penal. O que se discute é sobre os benefícios e desvantagens de se diminuir a idade para prisão no Brasil, tendo em vista que a maioria dos menores infratores não são levados para a cadeia e sim para programas educativos que quase nunca funcionam. Enquanto isso, a criminalidade aumenta, principalmente nas grandes cidades.

E você, é a favor da redução da maioridade penal? Ou defende que os jovens devem ser educados e não levados para os presídios junto com adultos violentos? É preciso analisar os dois lados desse problema, pois se trata de uma questão muito delicada, que envolve debates políticos, filosóficos e sociais. Vejamos algumas informações relevantes sobre o assunto.

reducao-maioridade-penal

Por que falar sobre a redução da maioridade penal?

Como você já sabe, o número de jovens cometendo crimes no Brasil não para de crescer. Todos os anos, milhares de pessoas são vítimas de criminosos menores, que não são presos por estarem resguardados pela lei de proteção aos menores. Quem é contra a redução da maioridade penal defende que os jovens precisam de mais educação e menos punição.

Você é contra ou a favor da redução da maioridade penal? Se você já está cansado de tanta violência e impunidade no Brasil, provavelmente é um dos que defendem de forma absoluta a redução da maioria. Agora, se você é um dos defensores dos direitos humanos, provavelmente critica qualquer iniciativa de reduzir a idade legal prevista na lei brasileira, que é 18 anos.

Quem é contra a redução da maioridade penal?

Para saber quem é contra a redução da maioridade penal, basta acompanhar os debates, principalmente os acadêmicos. Geralmente argumentam que o sistema prisional não ajuda a ressocializar, mas sim contribuem para que os menores fiquem ainda mais violentos. Isso, em certa medida, é verdade, já que as cadeias no Brasil são precárias, com condições terríveis de dignidade para quem fica preso.

Quem é a favor da redução da maioridade penal?

Agora, para saber quem é a favor da redução da maioridade penal também é muito fácil. Geralmente são pessoas que entendem que a cadeia deve continuar sendo precária, afinal de contas, estamos falando de criminosos que não merecem compaixão de ninguém, quanto mais tratamento diferenciado.

Redução da maioridade penal: tema complexo

Para reduzir a maioridade penal no Brasilnão é tão simples. Vejamos.

O debate contra e a favor a redução da maioridade penal é grande, envolvendo todas as parcelas da população, incluindo professores do ensino superior e médio, pessoas da comunidade em geral e também o Governo, que volta e meia tenta emplacar projetos no sentido de reduzir a maioridade penal. Até o momento, nenhuma iniciativa teve sucesso. O ideal talvez seria um Plebiscito sobre a Redução da Maioridade Penal, onde toda a população participasse, igual foi sobre a questão do desarmamento.

Isso porque para muitos psicólogos e profissionais do direito, bem como até mesmo órgãos de proteção à infância demonstram que um menor de idade não tem condições de compreender 100% sobre um crime praticado.

No entanto, a ideia de alguns parlamentares é apenas reduzir a maioridade penal para crimes considerados hediondos, como tortura, latrocínio (roubo seguido de morte) e muitos outros estipulados por lei e que são cometidos com extrema violência, por exemplo.

Mas para outros crimes, ainda seriam mantidas as medidas as medidas aplicadas a crianças e adolescentes. Aliás, para que você compreenda a diferença, crianças e adolescentes são apreendidos, enquanto adultos são presos. Adolescentes e crianças, para a lei, não cometem crimes, mas sim algo chamado de ato infracional.

As penas para os atos infracionais (que são bem similares aos crimes) podem ser medida socioeducativas, que podem ser liberdade assistida, regime de semiliberdade e internação (nos casos graves ou na hipótese de reincidência de atos infracionais).

Nesse debate, há que se pensar também que muitas crianças já nascem em ambientes violentos, permeados por drogas, mortes, falta de recursos, abandono familiar, abusos físicos e mentais, dentre outros vários problemas.

Assim, por incrível que pareça, há muitas crianças que não conhecem outra vida. E você pode dizer: “mas isso é questão de caráter”. Será mesmo que o problema é só caráter? Além disso, os locais onde adolescentes são internados muitas vezes não oferecem uma estrutura mínima de educação. Ao invés de educar, adolescentes que cometeram erros não tão graves ficam em contato com jovens com mais “experiência no crime” e são até obrigados a se submeterem a situações de traficância de drogas e outros crimes para sobreviverem.

Agora que você já sabe tudo sobre como é a redução da maioridade penal, está na hora de participar ativamente desse debate. Afinal de contas, é algo que vai afetar a você e a sua família de forma direta. Fique por dentro do debate e acompanhe de perto o jogo político, pois a matéria logo será levada para as casas legislativas para votação. A sua participação é fundamental, já que os políticos devem levar os interesses da população em consideração.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Aumento Aposentadoria

Aumento dos Aposentados 2021

Depender somente de aposentadoria infelizmente não é muito fácil no Brasil. No entanto, o reajuste da aposentadoria é uma medida obrigatória para recomposição do valor da inflação e deve ocorrer todos os anos, juntamente com o salário mínimo.

Resumindo: Teto mínimo um salário mínimo que vai para 1.067 reais e Teto máximo do INSS de 6.101,00 reais. Uma média de aumento de 2,1% de reajuste.

aumento-aposentadoria

Resumindo: O salário mínimo vai passar de 1.045 reais para 1.067, portanto um reajuste aproximado de 2,1% e que deve seguir mais ou menos esse percentual para todos benefícios.

A fim de se explicar de forma sucinta sobre o que é inflação, poder-se-ia defini-la como sendo o aumento constante dos preços de um lado, mas de outro a manutenção ou diminuição da renda das pessoas. Ou seja, enquanto os preços sobem, a renda fica “parada” ou, pior, diminui.

Isso afeta a economia e a vida de milhares de brasileiros. Quanto mais perto a inflação está do índice zero, melhor é para a economia. Acontece que quando a inflação aumenta isso repercute no valor do salário mínimo 2021 e, claro, no aumento da aposentadoria dos próximos anos.

O Governo Federal já informou acerca do aumento da aposentadoria em 2021. Quer saber quanto vai ser o reajuste INSS 2021? Acompanhe o artigo e saiba tudo sobre aumento aposentadoria INSS 2021.

INSS Reajuste

Quanto vai ser o aumento dos aposentados acima do mínimo 2021?

Segundo informações concedidas pelo Governo Federal, não Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias 2021, que é onde o Estado acaba definindo quais serão os gastos do próximo exercício financeiro, ou seja, do próximo ano, o aumento da aposentadoria 2021 ficou estimado em cerca de 2,1% para o salário mínimo de 2021.

Mas o que exatamente isso significa para o reajuste da aposentadoria 2021? Vamos te explicar ponto a ponto levando em conta a projeção do salário mínimo 2021.

Isso é muito importante, já que o salário mínimo “tem tudo a ver” com a aposentadoria.

inss-reajuste-aposentados

Teto INSS 2021

O teto mínimo do valor do INSS é de um salário mínimo. Essa é uma disposição da Lei da Previdência Social, que veda que os benefícios sejam menores do que um salário mínimo.

Com o aumento do salário mínimo 2021, o valor do INSS para aposentados e pensionistas aumentará R$ 22,00 (vinte e dois reais). Assim, o aumento da aposentadoria 2021 passará de R$ 1.045 (mil e quarenta e cinco reais) para R$ 1.067 (mil e setenta e sete reais).

O teto máximo do INSS 2021, por sua vez, passará de R$ 6.032,00 para R$ 6.101,00, o que dá uma diferença, em média, de quase R$ 70 (setenta reais).

Na verdade, se formos considerar a inflação, esse aumento da aposentadoria de pouco menos de R$ 25,00 é insuficiente para a reposição das perdas patrimoniais acarretadas por juros altos e outros fatores que diminuíram os créditos e o poder de compra dos brasileiros.

Salário mínimo Aposentadoria 2021

Você sabe como funciona o reajuste do salário mínimo 2021, que repercute no valor do INSS 2021? É basicamente da seguinte forma. O Governo Federal faz cálculos considerando o Índice Nacional de Preços ao Consumidor – INPC relativo ao ano de 2021. Também leva em consideração o Produto Interno Bruto do ano anterior.

Infelizmente, como é sabido, nos últimos anos os setores da economia não tiveram desempenho satisfatório por conta das crises econômica e política que assolaram (e ainda assolam) o País, tendo índices negativos.

Desse modo, esse ainda não é o aumento real da aposentadoria 2021, que deve ser acima da inflação. É tão somente uma pequena correção do aumento da aposentadoria 2021.

Aposentadoria até 2021

Para quem tem curiosidade em saber sobre qual seria o valor da aposentadoria em 2021 e 2022, saiba que no projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias há a previsão de que em 2022 o salário mínimo suba para quase R$ 1100 (mil e cem reais) e em 2023, passe dos R$ 1.100 (mil e cem reais). O valor do salário mínimo influencia drasticamente no aumento da aposentadoria ou não.

aumento-aposentados

Isso porque há uma estimativa de crescimento da economia em vista de suposta estabilização do governo, no entanto, como a própria palavra diz, trata-se de uma projeção do salário mínimo para os próximos anos, quadro este que pode ser alterado futuramente.

Revisão da aposentadoria INSS

Se você acredita não estar recebendo aumento da aposentadoria 2021 suficiente, deve entrar em contato com a Previdência Social para solicitar a revisão da aposentadoria.

Basta preencher o formulário concedido pelo INSS e leva-lo a qualquer agência do INSS mais próxima da sua casa. A revisão da aposentadoria é um pedido chamado de “administrativo”, ou seja, não precisa pagar advogado para fazê-lo.

Muitas pessoas nem sequer sabem que têm direito à revisão da aposentadoria do INSS e acabam deixando esse fato de lado. Porém, recomenda-se que se fique atento aos seus direitos. Caso tenha alguma dúvida sobre como fazer a revisão para aumento da aposentadoria 2021, entre em contato com os canais de comunicação do INSS.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Previsão Aumento dos Aposentados 2021 – Reajuste

Reajuste dos Aposentados do INSS 2021

Como será a previsão de aumento dos aposentados 2021? Para saber mais, acompanhe todas as novidades a seguir.

Muitas pessoas têm dúvidas a respeito da previsão de aumento aposentados 2021, justamente por conta da instabilidade política do País, bem como das decisões do governo sobre a reforma da previdência.

aumento-aposentadoria-inss

Por enquanto, as regras antigas da previdência social ainda prevalecem, mas é possível que no início de 2021 haja alteração. Mas será que a previsão de aumento dos aposentados INSS vai se alterar por conta disso? É o que veremos a seguir.

Aumento dos aposentados 2021

O governo decidiu fazer uma revisão da previsão de aumento do salário mínimo 2021. Desse modo, ficou decidido que aposentados e pensionistas vão receber aumento menor a partir de janeiro de 2021.

Na Lei de Diretrizes Orçamentárias, que faz a previsão de gastos do governo, o reajuste do salário mínimo 2021 foi menor, porém mesmo assim teremos um aumento.

Ou seja, o reajuste dos aposentados diminuiu de 3,4% para apenas 2,1%. Isso aconteceu porque o governo entendeu que houve a queda da inflação para o período, a qual é medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor – INPC, estipulado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Salário mínimo aposentados 2021

Quando o governo divulgou a notícia do valor do salário mínimo para 2021, esperava-se que o índice acumulado seria de 4,5%. No entanto, todos os beneficiários do INSS vão receber reajuste um pouco menor que o previsto. São mais de 30 milhões de pessoas que terão reajuste em 2021.

Teto da previdência 2021

Com esse aumento do reajuste dos aposentados 2021, o valor do teto do INSS 2021 vai aumentar também a partir do mês de janeiro.

Para fazer o cálculo, o governo considera a inflação do ano passado, que considera todo o Produto Interno Bruto – PIB. Como este índice diminuiu, há o reflexo de reajuste menor para aposentados e beneficiários do INSS em 2021. A previsão é que o aumento será maior para os próximos anos com a melhoria da economia.

reajuste-aposentadoria-inss

Teto INSS

Reajuste aposentadoria INSS 2021

O governo ainda pode aumentar o salário dos aposentados 2021. É possível que haja alteração até o início do próximo ano. Isso porque, segundo o governo, a situação econômica e política do País pode mudar até essa data.

No ano anterior por exemplo, o reajuste dos aposentados subiu mais que o previsto.

Caso tenha ficado alguma dúvida sobre o reajuste dos aposentados 2021, não deixe de acompanhar novas notícias. Se houver aumento do reajuste dos aposentados 2021, certamente vamos atualizar essa informação no site para você.

INSS Reajuste

Por enquanto, como vimos, o reajuste aposentados 2021 ficará perto do valor da inflação (em %). Para muitos aposentados e especialistas, esse reajuste pequeno para aposentados em 2021 não reflete exatamente a situação econômica do Brasil, que apesar de ainda não está boa, melhorou nos meses.

No entanto, pode ser que esse percentual aumente em janeiro, como já previu o próprio governo federal. Basta, assim, aguardar que haja o aumento dos aposentados 2021, bem como pensionistas e demais beneficiários do INSS, conforme novo cálculo da inflação para o início do ano.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Erro Médico – Indenização

Indenização por Erro Médico

Você sabia que é cabível indenização por erro médico? Trata-se de uma importante garantia que você tem de receber um atendimento de qualidade por parte dos profissionais da área de saúde.

Se você foi vítima de algum erro médico que te causou prejuízo, ou mesmo a alguém da sua família, descubra como funciona a indenização e como requerer a reparação do dado.

erro-medico-indenizacao

Indenização por erro médico: como funciona?

Todos os anos vemos inúmeros casos de erros médicos no noticiário. Alguns erros muito grosseiros, como esquecimento de materiais cirúrgicos dentro dos pacientes e até mesmo chegar ao cúmulo de fazer cirurgias e amputações em membros errados.

Também é comum que pacientes recebam medicamentos trocados, o que em muitas vezes termina em morte. Conheça agora como funciona a indenização por erro médico e não seja prejudicado por falha do profissional.

O atendimento médico, principalmente em clínicas e hospitais particulares, é considerado uma prestação de serviço. E como tal, deve ser feita com qualidade e por profissionais devidamente certificados, com conhecimento técnico e prático na área de atendimento.

erro-medico

Por ser uma prestação de serviço, o erro médico deve ser indenizado. Dessa forma você, que é o cliente, não sairá no prejuízo nessa relação de consumo.

Para ser qualificado como erro passível de indenização é preciso que se verifique a imprudência, negligência ou imperícia do profissional na hora de exercer as suas funções.

Porém, há casos em que se entende que o médico agiu corretamente, mas por circunstâncias aleatórias ocorreu algum problema que culminou com prejuízo para o paciente.

Exemplo: um paciente vai ao hospital por uma apendicite, mas morre por um desabamento causado por um furacão que surgiu do nada.

Salvo se houverem circunstâncias que possam atribuir culpa ao hospital, a princípio, não é devida a indenização por erro médico.

Como receber indenização por erro médico?

Agora, se você está querendo saber como receber indenização por erro médico, saiba que é preciso seguir um procedimento. O primeiro passo é procurar a clínica ou hospital que realizou o procedimento e solicitar a reparação amigável.

Se você não tiver sucesso nesse primeiro contato, o mais adequado é que você procure um advogado para cuidar do seu caso. Pode ser tanto um advogado particular quanto um advogado da Defensoria Pública, que é gratuito. Ele cuidará do seu processo contra a instituição responsável pelo erro. No final do processo você ficará sabendo o valor da indenização por erro médico.

Então, se você está se perguntando qual é o valor da indenização por erro médico, saiba que depende muito da gravidade do erro. Em alguns casos o erro pode resultar em perda de funções básicas, como visão, audição ou mesmo deixar o paciente paralítico. Nesses casos a indenização costuma ser alta.

Atualmente, para o cálculo da indenização por erro médico também se considera o perfil da vítima. Se ela recebe em suas atividades diárias um salário mínimo, por exemplo, não poderá receber uma indenização milionária.

indenizacao-erro-medico

Se você achou essa afirmação absurda, saiba que o Código Civil de 2002, atualmente vigente no Brasil, proíbe que as pessoas enriqueçam ilicitamente. A indenização é um meio de reparação e, por isso, os valores da indenização devem ser compatíveis com o perfil financeiro da vítima.

Mas o que é enriquecer ilicitamente? É, em termos mais simples, uma forma de tentar compensar o prejuízo causado, não mais do que isso.

Danos materiais: erro médico

Além dos danos materiais por erro médico, ou seja, um valor para reparar o que você gastou com outros medicamentos e outros tratamentos em razão do erro, é possível cobrar danos morais por erro médico.

É comum que o advogado peça, por exemplo, indenização por erro médico, com morte do paciente, estando englobado aí a indenização por dano moral por erro médico e a indenização por dano materialpor erro médico.

Dano moral por erro médico / Dano estético por erro médico

O dano moral é uma reparação a eventual dano causado ao foro íntimo, ou seja, ao âmago da pessoa. Dentro do dano moral há o dano estético, que é muito comum nos casos de erros médicos que prejudicam a aparência do paciente. Se isso aconteceu com você, é possível pleitear danos morais e materiais.

Ah, e o dano moral e o dano estético podem ser cumulados, ou seja, poderá receber os dois danos, se ficar caracterizado.

responsabilidade-erro-medico

Lucros cessantes: erro médico

Não deixe de exigir que seja pago os danos morais por erro médico. Se você deixou de trabalhar por culpa do erro, poderá também receber um valor peloslucros cessantes por erro médico, ou seja, aquilo que era para você ter ganho se o erro médico não tivesse ocorrido. Como você pode ver, quem sofre erro médico tem direito a indenização.

O direito a indenização por erro médico é de todas as pessoas que sofrem por falta de cuidado, atenção e técnica dos profissionais da área de saúde. Sempre que você se sentir prejudicado, exija a indenização. Essa é uma garantia sua, como consumidor.

Você está no site Informações e Noções de Segurança Social que deixa você informado sobre seguridade social. Esse não é o site da Previdência Social!

Salário Mínimo 2021 Valor, Aumento

Valor Salário Mínimo 2021

O salário mínimo é o valor mínimo nacional, a título de remuneração, que deve ser pago mensalmente a todo trabalhador brasileiro que exerça sua profissão com carteira assinada. Esse direito dos trabalhadores é previsto no artigo 7º, inciso VI, da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988.

  • Valor do Salário Mínimo 2021: 1.067 reais

salario-minimo

Embora o salário mínimo esteja resguardado pela Constituição Federal, surgiu na década de 30. E, não por coincidência, em 1° de maio de 1938 o ex-Presidente Getúlio Vargas começou a fixar os valores do salário mínimo.

Aliás, os Estados podem fixar os salários mínimos regionais por meio de lei, mas eles nunca poderão ser menores do que o valor do salário mínimo nacional!

Feita essa regressão história, tem-se que o valor do salário mínimo não é fixo e está sujeito a alterações.

A princípio, o valor do salário mínimo corresponde a uma jornada de trabalho de 44 horas semanais, prevista na Constituição Federal.

Dessa forma, uma pessoa que trabalha apenas a metade do mês não pode receber o mesmo que uma pessoa que trabalha as 44 horas mensais, não é?

Logo, o salário mínimo poder ser menor que o mínimo nacional, porém ele obedece a um mínimo diário, que é valor mínimo a ser pago calculado pela divisão entre o valor do salário mínimo atual dividido por trinta.

O aumento do salário mínimo é, na verdade, o reajuste do salário mínimo é realizado anualmente, considerando-se os valores do PIB (Produto Interno Bruto) do ano retrasado e do ano anterior, sendo, em seguida, somado ao valor da inflação (IPCA) correspondente ao ano de recebimento.

Tabela aumento Salário Mínimo 2021

Abaixo, a título de curiosidade, veja uma tabela contendo todos os valores relativos ao pagamento do salário mínimo, suas respectivas datas de vigência, bem como os valores por dia trabalhado.

Note como a variação pode ser expressiva de um ano para o outro e tudo isso por conta da inflação, que pode atingir de forma brusca o aumento do salário mínimo.

01.01.2021 – R$ 1.067 – R$ 22,00

01 do 01 2020 – R$ 1.045

INÍCIO DA VIGÊNCIA VALOR ($) VALOR POR DIA TRABALHADO
01 do 01 de 2019 R$  954,00 R$ 31,80
01 do 01 de 2018 R$  937,00 R$ 31,23
01 do 01 de 2017 R$  880,00 R$  29,33
01 do 01 de 2016 R$  788,00 R$  26,27
01 do 01 de 2015 R$  724,00 R$  24,13
01 do 01 de 2014 R$  678,00 R$  22,60
01 do 01 de 2013 R$  622,00 R$  20,73
01 do 03 de 2012 R$  545,00 R$  18,17
01 do 01 de 2011 R$  540,00 R$  18,00
01 do 01 do 2010 R$  510,00 R$  17,00
01 do 02 do 2009 R$  465,00 R$  15,50
01 do 03 do 2008 R$  415,00 R$  13,83
01 do 04 do 2007 R$  380,00 R$  12,67
01 do 04 do 2006 R$  350,00 R$  11,67
01 do 05 do 2005 R$  300,00 R$  10,00
01 do 05 do 2004 R$  260,00 R$    8,67
01 do 04 do 2003 R$  240,00 R$    8,00
01 do 04 do 2002 R$  200,00 R$    6,67
01 do 04 do 2001 R$  180,00 R$    6,00
03 do 04 do 2000 R$  151,00 R$    5,03

salario-minimo-tabela

Salário Mínimo 2021 Valor

Atualmente, o valor do salário mínimo está fixado em R$ 1.067 para todo o ano de 2021.

Houve um reajuste de cerca de 2,1% em relação ao valor anterior, cujo valor do salário mínimo era de R$ 1.045.

salario-minimo-valor

Inicialmente, a previsão do salário mínimo para o ano de 2021 inicialmente era de mais de mil reais, porém este valor foi alterado pelo Presidente Jair Bolsonaro.

Já para o próximo ano, economistas do Governo Federal estimam o aumento do salário mínimo no percentual de 3%, sendo o valor do salário mínimo 2021 reajustado para mais de mil e cem reais.

Segundo especialistas, o aumento do salário mínimo 2021 trará impacto de cerca de R$ 15,0 bilhões nas contas do Governo.

Considerados que os valores do salário mínimo até 2021 estavam abaixo das expectativas, para os economistas, o salário mínimo só chegará aos R$ 1 mil e cem reais no ano de 2022, chegando a R$ 1.101,00.

Aumento do Salário Mínimo 2021

O Governo Federal realiza o aumento do salário mínimo anualmente, isso porque ele precisa tentar manter o poder de compra dos consumidores e das famílias brasileiras no mesmo patamar do ano anterior.

Ou seja, o aumento do salário mínimo está ligado ao aumento da inflação.

O valor de reajuste do salário mínimo sempre passa a imperar no primeiro dia do mês de janeiro de cada ano, de acordo com a legislação que regulamenta a matéria.

salario-minimo-aumento

Reajuste Salário Mínimo 2021

Mas você sabia que nem todo mundo concorda com o cálculo do valor do salário mínimo?

É o caso do Departamento Intersindical de Estatística e de Estudos Socioeconômicos  – Dieese, que discorda da forma pela qual o reajuste do salário mínimo é realizado.

Segundo cálculos do órgão, o valor do salário mínimo 2021 deveria ser, em média de três a quatro vezes maior do que o que é proposto pelo Governo Federal.

A fórmula de cálculo proposta pelo Dieese segue o valor mensal da cesta básica mais cara do país.

Por conta disso, o aumento do salário mínimo deveria acontecer todos os meses, de acordo com as variações do valor da cesta básica.

Contudo, certamente o reajuste e aumento do salário mínimo mensal continuará a ser calculado pelo valor da inflação anual por muito tempo.